Sorocaba estreia no Desafio das Cidades com a prefeitura dando exemplo de sustentabilidade

sorocaba

Sorocaba estreia entre os participantes do Desafio das Cidades / Foto: Divulgação

O Desafio das Cidades, criado pelo WWF e realizado ao redor do mundo em parceria com o ICLEI, chega à sua terceira edição no Brasil com mais uma estreia entre os participantes: Sorocaba, em São Paulo. Ao lado de outros oito municípios, os sorocabanos concorrem pelo título de Capital Nacional da Hora do Planeta, neste projeto que mostra a importância de se combater os efeitos das mudanças climáticas além do apagar das luzes da Hora do Planeta.

Um júri internacional, composto por especialistas no tema, escolhe três finalistas por cada país. Deles, uma cidade será a campeã e concorrerá, com outras capitais, ao título de Capital Global da Hora do Planeta. A votação é auditada pela Accenture. O público também participa ativamente do Desafio, escolhendo as suas preferidas na campanha Nós Amamos as Cidades, que será lançada em breve.

Para participar na edição 2015/2016, Sorocaba registrou suas ações e planos de adaptação e mitigação na Plataforma de Registro Climático Carbonn, coordenada pelo ICLEI em parceria com o CGLU e C40. Entre elas, está por exemplo o Programa “A3P Sorocaba”, aderido em novembro de 2014. Ele procura internalizar os princípios de sustentabilidade socioambiental dentro dos ambientes de trabalho da prefeitura, visando os 5 eixos temáticos: gestão de resíduos, licitação sustentável, qualidade de vida no trabalho, sensibilização e capacitação dos servidores, uso racional dos recursos e construções sustentáveis.

Com o intuito de sensibilizar as crianças e os adolescentes para a importância da recomposição da vegetação em áreas urbanas, as Secretarias de Educação e do Meio Ambiente criaram o Plantio Social. Os alunos participam, primeiro, de atividades em suas unidades escolares ou espaços educativos sobre espécies nativas, cuidados com as mudas e etc. Depois vão a campo realizar o plantio.

A Secretaria do Meio Ambiente também disponibiliza em seu site, para os funcionários, a Carona Solidária, para reduzir o número de automóveis que circula nas ruas de Sorocaba, o que contribui com a diminuição do congestionamento, a poluição do ar e a emissão de gases do efeito estufa.

No âmbito da comunidade, desde setembro de 2013 é realizada a Feira Orgânica e de Transição Agroecológica de Sorocaba. Acontece todos os sábados no Parque Natural “Chico Mendes”. Os objetivos são desenvolver atividades de educação ambiental ligadas à alimentação saudável e qualidade ambiental, além de fomentar a transição agroecológica e a produção de orgânicos em Sorocaba e região.

O Programa INTEGRABIKE é uma iniciativa da prefeitura através da Urbes – Trânsito e Transportes com o objetivo de facilitar o deslocamento, melhorar a qualidade de vida da população e reduzir as emissões de GEEs pelos veículos motorizados. Trata-se do empréstimo de bicicletas públicas com 19 estações e 152 ‘magrelas’. O uso é gratuito com o Cartão do Transporte.

Fonte: WWF Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s