Em evento sobre comunicação integrada, profissionais destacam o valor da responsabilidade socioambiental

Na quinta-feira (02), os cursos de Jornalismo e Publicidade do Centro Universitário Estácio, em Salvador, promoveram o evento “Projeto sociocultural – Comunicação integrada”. Com o tema “Projetos sociais, culturais e ambientais como estratégia de comunicação integrada”, o evento recebeu profissionais de comunicação com formações diversas para compartilhar suas experiências.

Estudantes e palestrantes juntos com a coordenadora do curso de Jornalismo da instituição, Antoniella Devanier.

Estudantes e palestrantes com a coordenadora do curso de Jornalismo da instituição, Antoniella Devanier.

Ana Paula é Coordenadora de Comunicação na Prefeitura de Madre de Deus. Durante a apresentação, a publicitária mostrou como a Prefeitura de “Madre”, como o município é carinhosamente chamado, conseguiu implantar uma Unidade de Gestão Integrada agregando a participação da população. O objetivo da Unidade é monitorar a cidade através de câmeras, ação que poderia gerar desaprovação de parte da população, que poderia se sentir vigiada demais. Entretanto, a Prefeitura escolheu incluir o público nessa empreitada, realizando atividades para esclarecer a população sobre o benefício da Unidade. Assim, cidadãos foram convidados a conhecer a Unidade, para ver de perto como tudo funciona.

Cidadãos em visita à Unidade de Gestão Integrada de Madre de Deus / Foto: fb.com/AscomMadreOficial

Cidadãos em visita à Unidade de Gestão Integrada de Madre de Deus / Foto: fb.com/AscomMadreOficial

O objetivo do projeto é dar mais segurança à população, através de câmeras que poderão flagrar situações ilegais e ajudar na solução de crimes. Entre um possível desconforto por estar sendo vigiado e o benefício de ter mais segurança, os moradores escolheram a segunda opção: “só quem tem algo oculto pode se sentir invadido” e “pra mim, quem não deve não tem nada a temer” foram algumas opiniões emitidas ao Jornal A Tarde, em matéria publicada no dia 02 de outubro. O poder público municipal em Madre de Deus tem procurado se aproximar da população através de redes sociais, em um canal aberto onde os cidadãos podem expressar suas demandas e interagir com a gestão municipal.

Elvira Costa é relações públicas no Rusch Advogados. Com base em suas experiências, falou aos estudantes presentes sobre a construção da estratégia empresarial pautada na sustentabilidade. Citou casos de grandes empresas como Globo, Itaú e Natura, que possuem institutos criados especialmente para empreender ações de responsabilidade socioambiental. Destacou um case do Nordeste, do Grupo João Carlos Paes Mendonça, que criou o Instituto JCPM, braço social do grupo que atua na qualificação de jovens, com projetos que vão desde a oferta de cursos de educação básica, como português e matemática, à promoção de qualificação profissional, a exemplo do Programa de Qualificação Para o Varejo.

Sobre a realidade das pequenas empresas, a relações públicas ponderou: “Grandes empresas possuem uma estrutura robusta que permite realizar esses programas, mas as pequenas também podem fazer a sua parte. Uma empresa pequena pode criar ações de responsabilidade social para o bairro onde está inserida, pode contribuir dentro do possível”. Sobre a necessidade do compromisso empresarial com a sociedade e o meio ambiente, diante do atual cenário, ela sintetizou dizendo que “a empresa tem de agir com responsabilidade socioambiental, não há mais uma escolha”.

Os jornalistas Pietro Raña (sócio da Pipa Comunicação) e Patrícia Abreu (apresentadora da TV Bahia), compartilharam com os estudantes presentes suas experiências em televisão e jornal impresso. Contando a sua trajetória, Pietro destacou que a passagem por veículos jornalísticos formou uma bagagem sólida até ele migrar para o setor de assessoria de imprensa. Hoje, ele é sócio de uma agência de comunicação integrada. Patrícia, muito conhecida pelo público baiano devido ao programa Bahia Esporte, dividiu com a plateia detalhes da sua carreira profissional, desde o começo, em Itabuna-BA. Hoje, além de apresentadora, ela também faz trabalhos como mestre de cerimônias.

Antônio Neto falou sobre o impacto das redes sociais nos negócios. Apresentando dados de pesquisas diversas, o jornalista mostrou o quanto o consumidor tem assumido o protagonismo nas relações com as empresas. “Porque nós produzimos conteúdo, nós enviamos as notícias, o centro agora é o cliente”, enfatizou. Neto destacou ainda o benefício que as redes sociais têm trazido para as micro e pequenas empresas: “nas redes sociais, o pequeno empresário patrocina uma história do mesmo modo que uma gigante como a Coca-Cola o faz”. Com as redes, as micro e pequenas empresas tiveram acesso a uma variedade de opções para impulsionar o negócio, a um custo menor, mais acessível.

O evento fez parte de uma iniciativa dos cursos de Publicidade e Jornalismo em promover a imersão dos estudantes na realidade do mercado de trabalho em Salvador através do contato com profissionais que estão atuando na área. Já para ensaiá-los na prática profissional, toda a organização, desde contato com os palestrantes à divulgação do evento e montagem de infraestrutura, ficou a cargo dos estudantes.

*Redação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s